Polícia

Cão da GMJ localiza homem desaparecido em São Roque

Com a indicação de Live, que havia testado o odor das sandálias entregues pela família, o homem foi encontrado


Na manhã do domingo, o canil da GM foi solicitado pela GCM de São Roque, para auxiliar nas buscas a um homem de 84 anos, que estava desaparecido desde a sexta-feira. 

A equipe de Jundiaí, com os GMs Martins (condutora da Live) e Francisco (condutor cão Sadan) e guardas Edwin, Madeira, M Silva e Sérgio Luís passaram todo o domingo fazendo buscas.

Com a indicação de Live, que havia testado o odor das sandálias entregues pela família, o homem desaparecido foi encontrado em uma área de mata, após uma trilha de aproximadamente 600 metros, feita pela equipe da GM, em 25 minutos, no segundo dia de buscas. Ele foi encaminhado à Santa Casa do município para atendimento médico.

De acordo com a GM Martins, condutora da cadela Live, o trabalho em equipe foi fundamental para a localização. "Neste tipo de trabalho precisamos estar sempre juntos e compartilhando informações, sejam com os guardas ou até mesmo com a família", ressaltou.

Nos últimos 15 dias, o canil da GM foi requisitado cinco vezes para ajudar nas buscas de pessoas desaparecidas. Em Itapira, em quatro oportunidades, no início de março, uma em Socorro, onde uma jovem foi encontrada morta perto de uma represa e, por último, em São Roque.

Ao lado de Sadan, um pastor malinois, Live da raça bloodhound compõe um seleto grupo de cães certificados oficialmente para esse trabalho, (pessoas vivas desaparecidas) com o canil alcançando a marca de três cães treinados - contando Ozzy, o primeiro da GM, hoje aposentado.