Geral

Fake news sobre vacina a partir dos 18 anos está em circulação nas redes

Destinação de grades vacinais não é feita com base no número de pessoas registradas pelo portal estadual


Está em circulação desde esta quarta-feira (7), mensagem com conteúdo falso sobre o encaminhamento de vacinas e ampliação da destinação das doses contra a COVID-19 a partir de cadastros realizados no site VacinaJá, do Governo do Estado.

Apesar de o link disponível ser verídico, a destinação de grades vacinais não é feita com base no número de pessoas registradas pelo portal estadual. O cadastro pelo VacinaJá é importante para o lançamento da dose nos bancos de dados específicos nacionais e estaduais. No entanto, não configura a base para a composição dos lotes de doses para os municípios.

SEE ALSO ...