Geral

Dia da Saúde: Jundiaí mantém promoção e prevenção na pandemia

Jundiaí foi reconhecida como a cidade que mais investe em Saúde de todo o Brasil, de forma per capita


No dia 7 de abril foi celebrado o Dia Mundial da Saúde. Desde o ano passado, a data é marcada pela pandemia do Novo Coronavírus, que tem exigido ampliações crescentes nas estruturas de atendimento. Jundiaí alcança este período com atividades da Atenção Básica e Especializada direcionadas para a promoção da Saúde, além da manutenção dos serviços mesmo com a circulação do vírus Sars-CoV-2, graças aos investimentos realizados ao longo da gestão anterior, em estruturas de Novas UBSs, Clínica da Família, Novo Hospital São Vicente, além dos programas de qualificação dos serviços como o 'Guardião da Saúde' e o 'Posso Ajudar'.

Jundiaí foi reconhecida como a cidade que mais investe em Saúde de todo o Brasil, de forma per capita, de acordo com o Conselho Federal de Medicina (CFM), em indicação em 2018; em 2019, os investimentos feitos na implantação da Clínica da Família do Novo Horizonte/UPA Vetor Oeste foram reconhecidos nacionalmente com o Prêmio InovaCidade, entregue durante o SmartCity Business Brazil Congress & Expo, e as ações prosseguiram com os investimentos em qualidade de serviço e atendimento mesmo durante a pandemia. "Com as reformas nos quartos do Hospital São Vicente de Paulo (HSV), conquistadas com o projeto em parceria com a iniciativa privada 'Acolha um Quarto, Conforte Vidas', as novas UBSs (Jundiaí Mirim, Lago, Traviú, Comercial, Maringá e Tulipas), a implementação dos programas 'Guardião da Saúde' e 'Posso Ajudar' conseguimos manter os atendimentos com qualidade e trabalhando para superar todo os desafios impostos pela pandemia", explica o prefeito Luiz Fernando Machado.

"Em decorrência da pandemia, os desafios são ainda maiores para garantir a assistência com a humanização e a qualidade essenciais para o serviço de Jundiaí. Agendas foram organizadas e todos os esforços foram empenhados no planejamento, na organização e no trabalho dos profissionais, - que, além de atuar em suas atividades nas UBSs, trabalham nos postos de vacinação contra a COVID-19 ou no atendimento das Unidades Sentinelas, Prontos Atendimentos Exclusivos, além, é claro, dos hospitais, em especial o Hospital São Vicente de Paulo (HSV), Regional (HR) e Universitário (HU) pelo atendimento prestado e a parceria para o melhor cuidado para a população de Jundiaí e da região", comenta o gestor da Unidade de Gestão de Promoção da Saúde (UGPS) Tiago Texera.

SEE ALSO ...