Geral

Cãoterapia leva espírito natalino ao Hospital Universitário

Uma mensagem de esperança e alegria foi o presente que a labradora Pantera levou a todos que estavam no HU


GM Madeira e a labradora Pantera surpreenderam crianças e adultos

Uma mensagem de esperança e alegria foi o presente que a labradora batizada de Pantera levou para crianças, pais, acompanhantes, funcionários e todos que estiveram na última quinta-feira (19) nas dependências do Hospital Universitário (HU). A visita faz parte da 'cãoterapia', que conta com a colaboração do canil da Guarda Municipal de Jundiaí (GMJ).

A coordenadora de voluntariado no H.U., Tatiane Keller, auxiliou nas ações inicias do projeto, comprovadamente capaz de auxiliar na recuperação de pacientes em situação de tratamento clínico, principalmente no caso de crianças. A visita de dezembro da Pantera, consolida um clico de visitas mensais ao hospital.

A labradora ajudou novamente a mudar a rotina da unidade. "A utilização da terapia com cães vem se tornando uma prática cada vez mais comum. Desde filhote, escolhemos com muito critério cada animal que fará trabalhos específicos, principalmente com crianças", destacou o GM Madeira.

Moradora no bairro Cidade Nova, a dona de casa Fátima Fortunato Queiroz (34) acompanhou a chegada da Pantera ao lado de suas seis filhas, e o filho recém-nascido, Jorge Mateus. "Muito bom. Não conhecia este trabalho diferente da Guarda Municipal", comentou.