Polícia

Racha termina com seis feridos e motoristas presos

Carros participavam de racha na Nove de Julho, quando um deles se envolveu num acidente


Um racha entre dois veículos na Avenida Nove de Julho, na Chácara Urbana, resultou em seis pessoas feridas e dois condutores presos em flagrante, pela autoridade policial, suspeitos de lesão corporal na direção e participar de corrida na via.

Policiais militares foram acionados pelo Copom para atender ocorrência de disputa de corrida e acidente e, chegando ao local, encontraram várias vítimas na via, todas conscientes, e um Honda Civic e um Ford Ka batidos. O primeiro com danos frontais e traseiros e o segundo com danos na lateral esquerda dianteira.

Os policiais apuraram no local que o Honda Civic trafegava pela Avenida Nove de Julho e o Ford Ka veio da Rua Ernestina para acessar a avenida.

Um Polo, indicado por testemunhas como participante do racha com o Honda Civic, fugiu do local, voltando após uma hora. O condutor do Polo estava com os olhos vermelhos e foi convidado a fazer o teste do bafômetro, mas recusou. O motorista do Civic aceitou e o resultado foi negativo.

O acidente deixou seis vítimas, que foram socorridas ao Hospital São Vicente. Os condutores do Civic e Polo foram interrogados no plantão policial acompanhados de advogados. Ambos admitiram que estavam em alta velocidade e "lado a lado". O condutor do Civic admitiu ter avançado o sinal vermelho, enquanto o do Polo disse estar a 80 km/h ao entrar na Avenida Nove de Julho. A combinação para andarem em alta velocidade foi por "gesto".

O condutor do Ford Ka, que fraturou três costelas e o osso lombar, contou à autoridade policial que cruzava a Avenida Nove de Julho, onde o sinal estava verde, quando foi atingido.

Após ouvir as partes, a autoridade policial prendeu os condutores do Civic e Polo em flagrante, suspeitos de lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e participação de corrida na via. Depois, foram encaminhados ao Centro de Triagem de Campo Limpo Paulista, ficando à disposição da Justiça. Os carros foram aprendidos e recolhidos ao pátio do guincho para exames complementares.

SEE ALSO ...