Polícia

Em duas horas, ladrões roubam duas carretas na Anhanguera

Para abordarem as vítimas, ladrões alertaram sobre falsos problemas nos caminhões


Num período de duas horas, bandidos armados roubaram duas carretas, na Rodovia Anhanguera, após abordarem seus motoristas, que foram mantidos reféns num matagal.

Uma carreta carregada com derivados de leite desapareceu, enquanto o semi-reboque da outra, com ferro, foi encontrado abandonado.

Um motorista de 47 anos conduzia uma carreta Iveco/Stralis branca, com derivados de leite, carga avaliada em R$ 160 mil, às 13h20, pela Rodovia Anhanguera no sentido interior/capital, quando no quilômetro 63, no bairro do Engordadouro, percebeu um barulho estranho e parou no acostamento para verificar. Segundo o Boletim de Ocorrência, quando vistoriava o caminhão, um veículo parou na frente e dele desceu um homem portando uma arma de fogo, que anunciou o assalto, enquanto outro ficou no volante. Enquanto a carreta ficou no local, a vítima foi colocada no banco traseiro do veículo, que rodou durante 20 minutos, até chegar num local ermo, onde ficou sob vigilância de um bandido armado. Depois de três horas como refém no local, o motorista foi colocado no banco traseiro de outro veículo, que rodou durante 20 minutos e o abandonou na Rodovia Edgar Máximo Zamboto, em Franco da Rocha, onde pediu socorro numa empresa.

Em outro roubo, às 11h20, um motorista trafegava com uma carreta Ford Cargo branca, carregada com barras de ferro, pela Rodovia Anhanguera, quando no quilômetro 65, no Cecap, um veículo sedã cinza/prata, que era ocupado por dois homens, disse que a carga estava caindo.
O motorista parou no acostamento para olhar, não viu nada de anormal, quando foi abordado por um homem que dizia "acredita, acredita, é um roubo, vai, vai". Ele o empurrou até outro carro, um Palio cinza/prata, ocupado por dois homens, que havia acabado de parar na frente da carreta.
Com uma blusa na cabeça, a vítima foi colocada deitada no banco traseiro do Palio. Um terceiro homem, que estava no Palio, desceu, entrou
na carreta e desapareceu com ela, enquanto o homem que o abordou entrou no Palio e todos foram até um matagal. Ao descer do Palio, no matagal, o motorista viu outra vítima, que já era vigiado por outro bandido. No início da noite, as vítimas foram libertadas.

SEE ALSO ...