Geral

Banco de Alimentos inicia fase de testes no São Camilo

Objetivo é aproveitar 18 toneladas de alimentos perecíveis por semana


A Prefeitura deu início nesta quinta-feira (20) à distribuição das Cestas Verdes, os kits montados pelo Banco de Alimentos para as famílias cadastradas no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) São Camilo. O projeto, ainda em período de testes, é desenvolvido pela Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social (UGADS) com apoio da Fumas e deve passar a funcionar regularmente no início de 2019. O objetivo é proporcionar o aproveitamento de uma parte dos alimentos perecíveis perdidos no município antes da chegada ao consumidor final: em torno de 18 toneladas por semana.

O Banco deve funcionar assim: às quartas-feiras, a UGADS recolhe as doações dos produtores do CEASA Jundiaí-ECAJ (Entreposto Central de Abastecimento Jundiaí) e leva à Fumas, que adequou as instalações de sua Cozinha Industrial para realizar a pesagem, triagem, higienização e embalagem dos produtos. Com os kits montados, a Fumas faz a entrega às quintas-feiras nos Cras, que se encarrega da distribuição para as famílias cadastradas.

A unidade inicial de distribuição é a do São Camilo, uma vez que o equipamento desenvolve há mais de um ano um grupo de Educação Alimentar. Nos encontros, os participantes aprendem sobre segurança alimentar, aproveitamento de alimentos e receitas, técnicas de preparo e de higienização, tudo isso com o propósito de garantir que as Cestas Verdes sejam bem aproveitadas.

Batata, tomate, abobrinha, cenoura, beterraba, couve-flor, berinjela, chuchu, laranja, maçã, manga e melão estavam entre os 337 quilos de alimentos doados pelos produtores para as famílias cadastradas. Também foram encaminhados cerca de 300 pés de alface colhidos no Viveiro Municipal.

SEE ALSO ...